3 Tendências do Mercado de Varejo para 2021

Publicado em 25 de janeiro de 2021 na categoria: Geral.

A falta de referências anteriores para lidar com uma crise gerada por questões sanitárias e de saúde foi o grande desafio do mercado varejista em 2020. Mas apesar das novas adversidades e da oscilação de cenários, os resultados do ano, de uma forma geral, não foram tão negativos como muitos esperavam. 

Alguns segmentos, como os de supermercados e farmácias, foram mais privilegiados, naturalmente, e os produtos que mais venderam foram itens de higiene pessoal, alimentos, eletrônicos e eletrodomésticos e vestuário. Além destas, outras categorias  como móveis, decoração, material de construção, itens de cama, mesa e banho e material de escritório também se destacaram desde março de 2020, em concomitância com o movimento “Fique em casa”. 

Já outros tiveram que se reinventar. Os negócios e as marcas que se movimentaram rapidamente para se adaptar às condições impostas pela pandemia se tornaram mais resilientes mediante às restrições de circulação no comércio físico e aos impactos no cenário político e econômico. 

O que podemos afirmar com absoluta certeza é que o ano de 2020 nos trouxe muito aprendizado. 

Depois de 10 meses de pandemia, e ainda com uma perspectiva de médio a longo prazo para a imunização global contra o Covid-19, a DIA Comunicação reuniu para você  3 tendências do varejo para 2021. Afinal, em setor que exige respostas rápidas, análises de marketing constantes e planos de ação de curto prazo são imprescindíveis para quem atua nele.  

1. E-commerce continua forte em 2021 

De acordo com a ABCOMM (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), o varejo digital cresceu 56,7% de janeiro a agosto de 2020, quando comparado com o mesmo período do ano anterior. Um índice tão alto de migração do PDV para os canais de compras digitais, certamente promoveu um impacto de mudança permanente nos hábitos de consumo da população.

De acordo com relatório Global Outlook 2021 da Mastercard, de 20 a 30% das vendas que migraram das lojas físicas para o meio digital serão permanentes no pós-pandemia. 

2. Fusões e Aquisições no Setor Varejista em 2021 

De acordo com a consultoria PwC Brasil, em agosto de 2020, foram registradas no Brasil 112 operações de fusões e aquisições de empresas varejistas, volume 65% maior em relação ao mesmo período de 2019. A tendência surgiu da necessidade de reestruturação dos negócios para maior penetração no mercado. 

O Magazine Luiza, por exemplo, foi uma das varejistas de maior destaque no ano,  investindo na aquisição de 9 empresas de áreas como logística, meios de pagamento, marketing e até delivery de refeições. Em sua estratégia de integrar cada vez mais serviços de atendimento ao shopper em sua plataforma, a empresa se tornou a rainha do varejo no Brasil sendo atualmente uma das marcas mais valiosas do mercado.

Em 2021, essa tendência deve continuar e as empresas que desejam fazer bons negócios devem investir em marketing e branding para alcançar valores mais substanciais de suas marcas. 

3. Confiança do consumidor em negócios familiares 

O estudo global Trust Barometer, da Edelman, mostrou que 71% dos consumidores consideram negócios familiares mais confiáveis do que empresas privadas (68%) e estatais (41%). 

O dado mostra que paralelamente ao fortalecimento de grandes varejistas por meio de fusões e aquisições, e o crescimento dos marketplaces , as PMEs do setor continuarão a se beneficiar pelo espírito de comunidade e confiança do consumidor no negócio local. 

Neste cenário, empresas varejistas menores tendem a crescer se promoverem estratégias de vendas e logística com foco na qualidade da  experiência do consumidor, por meio de uma estratégia integrada de marketing que vai desde o branding, passando pelo design de embalagens, canais de vendas, mix de produtos, até precificação e promoção. 


DIA Comunicação

Com mais de 40 anos de atuação, somos responsáveis por criar soluções que vão desde a descoberta da essência da marca, até a materialização de experiências relevantes em todos os seus pontos de relacionamento. Branding, Design, Shopper Marketing, Comunicação Integrada e Live Marketing são áreas que conhecemos muito bem.